quarta-feira, janeiro 19, 2011

Presidenciais 2011

cne

Eu sei que o Cavaco vai ganhar, não porque seja bom presidente ou porque tenha feito melhor campanha do que os outros, mas porque os portugueses têm memória curta e não gostam de mudar, reclamam mas não agem. O Cavaco vai ganhar pela mesma razão que se o Salazar ressuscitasse e se candidatasse à presidência ganharia. Porque os portugueses são saudosistas das personagens mais marcantes, independentemente da razão pela qual marcaram...

Por isso faço um apelo, vamos contribuir para que o Cavaco não ganhe na primeira volta. E uma vez que os votos em branco e nulos não contam para apurar o próximo presidente da república, vamos votar nos outros candidatos... Fernando Nobre, Manuel Alegre, José Manuel Coelho, Francisco Lopes ou Defensor de Moura, qualquer um, desde que não seja o Cavaco.

Etiquetas: , ,

sábado, janeiro 01, 2011

está difícil

Não sei bem o que faça, não sei para onde me vire, não sei o que pensar, como agir, estou a anhar.
O ano não começou bem, as perspectivas não são boas, não sei se me atreva a sonhar ou a aspirar o que quer que seja.
O que tenho questiono, o que não tenho não me chateia, mas também não me conforta.
Se soubesse o que fazer, não estava para aqui a escrever, não quero compreender, não há nada a fazer, nem isto sei escrever...

O que me dói

O que me dói não é
O que há no coração
Mas essas coisas lindas
Que nunca existirão...
São as formas sem forma
Que passam sem que a dor
As possa conhecer
Ou as sonhar o amor.

São como se a tristeza
Fosse árvore e, uma a uma,
Caíssem suas folhas
Entre o vestígio e a bruma.

Fernando Pessoa